• Tire todas as suas dúvidas sobre a Reforma Trabalhista. Baixe agora o nosso ebook gratuíto!
  • baixe o e-book
  • Siga-nos no Facebook
  • Siga-nos no Twitter
  • Siga-nos no Linkedin

(51) 3026-8282


O que fazemos

Certificado DigitalCertificado Digital

Certificado Digital é a identidade da Pessoa Física ou Pessoa Jurídica na rede através do qual é possível realizar diversos procedimentos, como assinar documentos eletrônicos junto a órgãos públicos, realizar operações bancárias, assinar contratos, dentre outros. É uma ferramenta que permite validar de forma segura os procedimentos realizados na internet, diminuindo a quantidade de papéis. Esta ferramenta já foi aderida por diversos órgãos públicos e a tendência é que, num futuro não tão distante, todos os órgãos governamentais trabalhem somente com documentos eletrônicos. Desta forma, o Certificado Digital torna-se essencial para a realização de muitas operações realizadas pela internet, como por exemplo, o envio de declarações para a Receita Federal, assinatura de livros contábeis, emissão de notas fiscais, etc.

A assinatura de documentos através de Certificado Digital é aceita em qualquer documento eletrônico, pois tem validade jurídica regulamentada pelo ITI (Instituto Nacional de Tecnologia da Informação). O Certificado Digital, tanto de Pessoa Física como Jurídica, pode ser encontrado em dois modelos abaixo descritos:

1º) Certificado Digital modelo A-1, o qual é instalado no computador, podendo gerar cópia de segurança para instalá-lo em mais de um PC. Tem validade de 1 (um) ano e, após expirado, deve ser renovado.

2º) Certificado Digital modelo A-3, o qual é inserido dentro de uma mídia que pode ser cartão ou token. O Certificado Digital modelo A-3 tem validade de 1 (um) a 3 (três) anos, dependendo da necessidade do usuário e, por ser um dispositivo físico, pode ser utilizado em diversos computadores, desde que esteja conectado ao mesmo.

Embora haja dois modelos, conforme descrito acima, a funcionalidade do certificado é a mesma para os dois tipos. As principais diferenças entre os dois são a validade e a forma com que eles são disponibilizados (A-1 instalado no computador e A-3 em mídia física).

Obs: Não é recomendado que o modelo A-3 seja utilizado em computadores com sistema operacional MAC, pois já foram identificados conflitos nestes casos.